O feijão tropeiro é um prato típico não só de Minas Gerais, mas também de São Paulo e Goiás. Pode ser encontrado em quase todos os estados, com algumas variações regionais, principalmente em relação ao tipo de feijão e farinha usados.

História do Feijão Tropeiro

Desde o período colonial, o transporte das mais diversas mercadorias era feito por tropas a cavalo ou em lombos de burros. Os homens que guiavam esses animais eram chamados de tropeiros.

Até a metade do século XX, eles atravessaram boa parte do estado de São Paulo, conduzindo gado. O feijão misturado à farinha de mandioca, torresmo, linguiça, ovos, alho, cebola e temperos tornou-se um prato básico do cardápio desses homens, daí o nome feijão tropeiro.

Sim, este prato alimentou boa parte da história do Brasil

Receita do feijão Tropeiro

Ingredientes:

500 g de feijão
250 g de bacon
250 g de calabresa
5 ovos
1 molho de couve
200 g de farinha de mandioca
Tempero (cebola, salsa e cebolinha) a vontade

Como fazer:

Cozinhe o feijão na panela de pressão (com uma colher de colorau, para ‘a cor ficar mais bonita’) por 20 minutos.
Escorra e lave.
Em outra panela, coloque um pouco de óleo e acrescente o tempero, o bacon e a calabresa (ambos já fritos).
Em seguida, adicione o feijão sem o caldo, a couve e a farinha de mandioca e misture.
O prato está pronto.
Um ovo frito (ou cozido, dependendo do gosto) dá o toque final

Rendimento: 5 porções
Tempo de preparo: 90 minutos

Deixe um comentário

Deixe um comentário